A INOFLEX utiliza metodologia baseada em várias boas práticas, já consagradas como:

GERENCIAMENTO DE PROJETOS do PMI – Project Management Institute, para entrega de suas soluções, ou seja, trabalha de forma estruturada utilizando as seguintes etapas.

  • Iniciação – Definição do Termo de Abertura do Projeto e reunião inicial – kick-off
  • Planejamento – Entrega de Escopo do Projeto, Declaração Detalhada do Escopo do Projeto, Plano de Gerenciamento de Projeto e Cronograma de entrega;
  • Execução – Alocação e/ou engajamento da equipe do projeto para implementação da solução. Entregar as soluções conforme previsto;
  • Monitoramento e Controle – Reuniões de acompanhamento e ponto de controle junto ao cliente para apresentação da evolução do projeto; e
  • Encerramento do projeto – Recebimento do Termo de Aceite Definitivo e Atestado de Capacidade Técnico junto ao cliente, depois de todos as entregas serem realizadas, conforme descritas na Declaração do Escopo do Projeto.

REVISÃO CONTINUADA DOS CÓDIGOS FONTES – rigoroso processo de revisão contínua da resiliência e qualidade dos códigos desenvolvidos no intuito de manter no melhor nível possível ou da forma desejada a qualidade dos sistemas que compõem as soluções da INOFLEX.

PROTÓTIPOS / MOCKUPs – Dispositivos móveis e suas interfaces gráficas estão cada vez mais sofisticados e presentes em nosso dia-a-dia.

Por isso, enquanto designers, ferramentas que nos ajudem a apresentar ideias, fluxos e transições a clientes e equipes são sempre bem-vindas. Mais que isso, essas ferramentas permitem experimentar o aplicativo de fato onde será usado, perceber se textos estão legíveis, se botões têm uma área ideal para o toque e por aí vai.

Para agilizar o processo de apresentação de soluções, utilização Mockup, que  é uma maquete ou representação de um objeto ou produto em seu tamanho natural ou em escala muito utilizado em congressos, feiras, shows, exposições entre outro.

img-mockups

Mockups são usados virtualmente sempre que um novo produto é desenhado. O uso mais comum de mockups no desenvolvimento de software é a criação de interfaces de usuário que mostram ao usuário final que o software será parecido com as interfaces criadas, sem ter que construir o software em si ou a funcionalidade subjacente. Mockups de Interface de Usuário de Software podem variar de layout de tela muito simples desenhados a mão até bitmaps realistas, para interfaces de usuário semi-funcionais desenvolvidas em uma ferramenta de desenvolvimento de software.

Mockups são muitas vezes utilizados para criar testes de unidade, nos quais eles são geralmente chamados de objetos Mock. As principais razões para a criação de tais mockups é ser capaz de testar uma parte de um sistema de software (uma unidade), sem ter que usar os módulos dependentes. A função destas dependências é, então, “falsificada” usando objetos mock.

Isto é especialmente importante se as funções que são simuladas como esta forem difíceis de se obter (por exemplo, devido envolverem computações complexas) ou se o resultado for não-determinístico, tal como a leitura de um sensor.

Mockup de software pode também ser usado para avaliação de nível micro, por exemplo, para verificar uma única função, e derivar os resultados dos testes para melhorar a força e usabilidade dos produtos como um todo.

/** * The template for displaying the footer. * * Contains the closing of the id="main-core". * * @package ThinkUpThemes */ ?>